Tia predileta

Hoje em dia somos todas tias. Tias de sangue e tias dos filhos dos nossos amigos. Este nome torna a comunicação mais fácil e aproxima-nos  das crianças.

Quando fui tia pela primeira vez da filha de uma amiga, tinha vinte e poucos anos. Quando estava com a criança tinha a mania de dizer: “Eu sou a tia predileta!
Quando a criança fez dois anos (ou talvez três), os pais fizeram uma grande festa. Convidaram a família e os amigos. Foram todos, claro! Especialmente as tias de sangue e as tias da amizade. Eu, que era provocadora (talvez ainda seja), perguntei à aniversariante, durante a festa, quem é que era a tia predileta? A inocente, que pensava que o meu nome próprio era “Predileta”, apontou para mim! As outras tias iam morrendo. Num instante, a mãe da miúda, para evitar um desgosto coletivo, explicou a história às tias, que respiraram de alívio!

Sweet kisses

Maria

0