Sair à noite aos 40 anos

Já não saía à noite há imenso tempo, foi há tanto tempo que não me consigo lembrar da última vez. Não me estou a referir a ir jantar com amigos e chegar às duas da madrugada. Estou a falar de sair “a sério“, de ir para a discoteca e dançar até às tantas.

Vou dizer-vos quais as diferenças entre sair à noite com 20 e 40 anos.

Chegar a casa às seis da manhã. Não há problema quando temos 20 aninhos, basta dormir até à uma da tarde e é suficiente para recuperar. Com 40, deitamo-nos às seis, acordamos às nove da manhã (porque não conseguimos dormir mais, não sei porquê!) e estamos um mês a recuperar.

Aos 20 conhecíamos todas as músicas que passavam na discoteca de “cor e salteado“. Aos 40, ficamos felizes se durante a noite toda, conhecermos pelo menos uma música. E aí, dançamos como malucas!

Quando eu tinha 20 anos usava tops e saias curtas… Agora, a saia já não é curta e o top está por baixo da camisa.

Na minha última saída à noite, reparei que as miúdas não usam soutien… Nem aos 20 eu conseguia sair de casa sem esse adereço. Aos 40, então nem pensar! Especialmente depois ter sido mãe.

Quando saía a noite nos meus tempos áureos, demorava cinco minutos a maquilhar-me; agora demoro uma hora.

Com 20, não ressacava se bebesse  álcool ; agora, é a minha “morte“.

O pior é quando saímos à noite com esta idade, somos as pessoas mais velhas “da sala“! Isso faz-nos sentir ainda mais velhas.

O que eu mais gostava, quando ia a uma discoteca aos 20 anos, era conhecer pelo menos oitenta por cento das pessoas que estavam lá, nem que fosse de vista… Agora, não conheço ninguém; só aquelas que vão comigo.

Moral da história: tão cedo não me apanham noutra!

Sweet kisses

Maria

Fonte fotografia: Pinterest

2

2 Comentários

  • Cláudia Dias
    2016-11-23 em 13:24

    Muito bom este texto! Concordo plenamente com cada frase. Eu tenho 39 anos e um filho com 4 anos e também já não me lembro da última vez que saí à noite para dançar, talvez porque também já foi há muito tempo, anos até diria…
    Jantares com amigas claro que sim, mas também nunca depois da meia-noite :( Todas temos filhos, compromissos, o que torna mais difícil conciliarmos as nossas saídas que não são tão frequentes como gostaríamos. O espírito é pensar que um dia destes vamos conseguir ir todas para a “night”. Até lá, vamos falando pelo WhatsApp e pelo Facebook :)

    • Maria
      Maria
      2016-12-04 em 20:54

      Adoro os jantares com as amigas. Isso sim, é um programa que não abdico.