Passei as férias a ouvir isto!!!

BEM PODRE!

Não sei como começou esta moda, e ainda tenho dificuldades em interpretar.

As férias foram assim:

– Filhos, vamos para a praia?

– Mãe, BEM PODRE!!!

Que angústia! Querem ir à praia, não querem? Estão felizes? Estão chateados?

– Filhos, gostaram do Planetário?

– Mãe, BEM PODRE!!!

Gostaram, ou não!? (Que stress!)

– Filho veste um casaco.

– Mãe, BEM PODRE!!!

O quê? Não tem frio? Ou está a agradecer?

Os avós perguntaram aos meus filhos como foram as férias… Já sabem qual é a resposta… BEM PODRE!

O pai diz que as aulas começam no dia 13. Resposta: “BEM PODRE!!”.

Depois de ter passado três semanas em que tudo era BEM PODRE, ainda fiquei mais confusa sobre o sentido da frase… concluí que a expressão, tanto pode ter uma conotação positiva ou negativa. Por isso, nunca vou saber se eles gostaram das férias, do jantar ou do dia. Como sou otimista, vou assumir que os miúdos adoraram tudo!

Caso eu esteja errada… BEM PODRE!

Concordam comigo?

O pior é que já dou por mim a usar estas duas palavrinhas…

Sweet kisses

Maria

0