É tão difícil quando as férias acabam…

É difícil para todos. Os miúdos vão para a escola a arrastar os pés, com uma cara triste e nem o reencontro com os amigos os anima… Pelo menos durante os primeiros cinco minutos, que é o tempo que demora a entrarem na rotina.

Eu não tive férias, mas foi bom trabalhar nas férias dos outros. Não tinha que preparar os lanches da escola, as pessoas andavam alegres e não havia trânsito.

Hoje demorei quase uma hora e meia para percorrer a A5 e o mundo andava muito nervoso.

Enquanto andava no “pára-arranca“, lembrei-me dos tempos, em que era miúda e regressava das férias da Páscoa, começava logo a contar os dias para as férias “grandes”.

Nessa altura os adultos diziam que ser criança era o melhor tempo da nossa vida e eu não achava nada disso. Hoje, digo exatamente o mesmo aos miúdos e sei que não acreditam em mim.

Saudades desses tempos!

Sweet kisses

Maria

0