Dia da Preguiça

Todas as manhãs, de segunda a sexta, quando toca o alarme é sempre tão difícil acordar! No fim de semana não! Parece que acordamos com imensa energia e entusiamo para estes dois dias.

Durante a semana, sempre que ouvimos o despertador, há um momento em que temos vontade de voltar a dormir, e atirar tudo ao ar: o trabalho, a escola dos miúdos, o trânsito, as obrigações e o stress. Especialmente numa segunda-feira com imenso frio lá fora. Custa sempre!

Agora imaginem que havia um “Dia da Preguiça”, e que o podíamos usar no trabalho, uma vez por ano. Mandávamos a seguinte mensagem ao chefe: “Hoje vou pôr o Dia da Preguiça”. Depois informávamos o nosso marido, que tínhamos posto esse dia, e ele sabia que a partir desse momento, não podia contar mais connosco. Pelo menos até às seis da tarde. Levantar, vestir, preparar as lancheiras e levar os miúdos à escola, era só tarefa dele.

Nesse dia, arrastávamo-nos da cama para o sofá e do sofá para a cama. Nada de fazer limpezas e arrumações, nem de sair de casa para tratar de assuntos… Esse dia era só para preguiçar e espreguiçar.

Era tão maravilhoso se esse dia existisse mesmo… Tenho a certeza que eramos todos mais felizes!

Sweet kisses

Maria

0